35 C
Cuiabá

Trabalhadores da UFMT podem entrar em greve dia 17 de março

Daniel Dino

Assessoria/Sintuf-MT

 

Os trabalhadores técnico-administrativos da UFMT poderão entrar em greve a partir do dia 17 de março. A greve foi aprovada em Brasília neste domingo (09.02) durante a Plenária da Fasubra, entidade que representa os sindicatos dos trabalhadores de todas as universidades do país. A decisão de Mato Grosso, se adere ou não à greve, será tomada na assembleia geral do dia 11 de março.

 

“Nós participamos da plenária cobrando esclarecimentos sobre o andamento da negociação com o Governo e a definição da Fasubra se a greve seria dos servidores público federais ou apenas da Fasubra. Ficou claro que a greve será setorizada, apenas com os trabalhadores técnico-administrativos das universidades”, destacou a coordenadora geral do Sintuf-MT, Leia de Souza Oliveira.

 

Ela destacou que a direção da Fasubra mudou o eixo da luta para setorizada após nenhuma entidade do Fórum do Servidores Públicos Federais aprovar o indicativo de greve para este período. “Conseguimos aprovar um eixo específico que não representa uma quebra do acordo firmado com o Governo em 2012. Precisamos estar atento aos limites legais de negociação com efeito orçamentário. Foi incluido no eixo da greve: jornada de trabalho, insalubridade, ampliação do piso e 'step' salarial, e um cronograma para finalizar com resolutividade os atuais grupos de trabalho”, concluiu Leia.

 

A Plenária da Fasubra contou com a participação de 39 entidades (delegações de sindicatos de trabalhadores técnico-administrativos das universidades federais). Dessas, 24 votaram a favor da greve, 7 votaram contra o movimento paredista, 6 manifestaram-se sem decisão e houve 1 abstenção.

 

A Fasubra até o momento não divulgou o relatório da plenária e nem o eixo específico de luta. O Sintuf-MT aguarda para divulgação.

Compartilhar post:

Popular

Mais como isso
Related

Último dia para retirar seus ingressos da Festa de Natal Sintuf 2023

A gestão Ação e Luta reforça a todos os...

Debate pela Reitoria marca momento histórico da UFMT

As quatro chapas que disputam a Reitoria da UFMT...

Prevenção ao HIV: o papel da saúde pública e a luta contra o preconceito

O dia 1° de Dezembro, Dia Mundial de Prevenção...

REUNIÃO LGBTQIA+

Na última quarta-feira, 29 de novembro, aconteceu a reunião...
Feito com amor 💜 por go7.com.br