27 C
Cuiabá

Sintuf-MT cobra exigência do comprovante de vacinação

download nota_em_defesa_da_saude_nas_instituic_o_es_de_ensino_superior.pdf

O Sintuf-MT reforça sua posição a favor da vida e defesa dos trabalhadores da UFMT. O avanço da nova variante da Covid-19 deixa claro que não é possível baixar a guarda.

“Vemos com imensa preocupação a decisão do Ministério da Educação de proibir a exigência do comprovante de vacinação em universidades e institutos federais. A vacina é única maneira cientificamente comprovada de diminuir o avanço da doença e salvar vidas. Após muita luta e pressão conseguimos garantir uma oferta mínima de vacina a população, inclusive a terceira dose. Não faz sentido uma pessoa não ter se vacinado, e pior, querer conviver normalmente em ambientes públicos. Vamos cobrar no Consuni que a UFMT respeite a sua comunidade e exija sim a comprovação da vacinação”, destacou a coordenadora Administrativa do sindicado, Leia de Souza Oliveira. 

Neste sentido, o Sintuf-MT assina a nota nacional abaixo:

Nota em defesa da saúde nas instituições de ensino superior

As associações signatárias reafirmam a autonomia das instituições de ensino superior, especialmente as federais, para protegerem as respectivas comunidades da pandemia que já custou mais de 600 mil vidas ao Brasil, assim tomando – sempre que a seu ver for necessário – as medidas recomendadas pelos cientistas, a saber: distanciamento físico, porte de máscara, higienização constante das pessoas e dos espaços e, finalmente, a exigência de comprovante de vacinação completa.

A Constituição garante às universidades autonomia e, perante a ameaça que volta a recrudescer, com a nova variante da covid se espalhando rapidamente pelo mundo, esta autonomia necessariamente inclui o direito de adotar os cuidados exigidos pela preservação do bem maior que é a vida.

Portanto, consideramos que o despacho do Sr. Ministro da Educação, nesta data, além de desrespeitar a autonomia constitucional das instituições de ensino superior, está errado no mérito, por impossibilitar – verbo que emprega o ato ministerial – a adoção de medidas indispensáveis para garantir o direito, também constitucional, à vida.

Brasil, 30 de dezembro de 2021

 

 

Fotos: Vagner Santos (prefeitura de Cotia)

 

Compartilhar post:

Popular

Mais como isso
Related

GREVE: Técnicos da UFMT avaliam nova proposta do Governo Federal

Os trabalhadores técnico-administrativos da UFMT fizeram o debate sobre...

Sintuf convoca assembleia geral de greve para quinta-feira (13)

O Sindicato dos Trabalhadores Técnico-administrativos em Educação da Universidade...

CNG DA FASUBRA ORIENTA: JORNADA DE LUTAS

Essa semana o governo enviou oficialmente, ao Comando Nacional...

Domingo: Sintuf convoca nova caravana

O Comando de Greve da UFMT convoca os servidores...
Feito com muito 💜 por go7.com.br