27 C
Cuiabá

A legitimidade da greve dos servidores

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) solidariza-se com os servidores e as servidoras federais em sua justa luta por melhores condições de trabalho e valorização profissional. Mesmo considerando o esforço governamental de estabelecer uma política de correção e recuperação das perdas dos governos passados e de buscar alternativas frente a seus limites orçamentários a proposta inicial de concessão de reajuste zero em 2024, justifica a greve.

A CUT solicita ao governo federal que retome o diálogo com as entidades dos servidores e construa uma saída para o atual impasse, buscando soluções que atendam minimamente às necessidades dos servidores e das servidoras. A CUT reafirma que para reconstruir o Brasil é preciso valorizar a educação e o conjunto dos servidores públicos, pois sem isso a classe trabalhadora não conseguirá superar os desafios tecnológicos e a qualificação exigida no mercado de trabalho.

A greve dos servidores federais é um alerta para toda a sociedade sobre a urgência de defendermos o serviço público como um patrimônio do povo brasileiro. A CUT seguira firme ao lado dos trabalhadores e das trabalhadoras dos serviços públicos e privados, nessa batalha por dignidade, justiça e respeito aos direitos fundamentais e a valorização profissional.

Direção Executiva Nacional da CUT

Compartilhar post:

Popular

Mais como isso
Related

CNG da FASUBRA participa de Audiência Pública no Senado Federal: o combate à LGBTIfobia

Na última quarta-feira, 15 de maio, aconteceu na Comissão...

CNG da FASUBRA participa de Audiência Pública da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados

O Comando Nacional de Greve – CNG da FASUBRA...

Ato unificado marca 5º Café da manhã com Lula

Na manhã desta sexta-feira, 17 de maio, aconteceu mais...

Novo Ensino Médio é uma ameaça ao futuro da classe trabalhadora

O Novo Ensino Médio (NEM), elaborado no governo do...
Feito com muito 💜 por go7.com.br