Cuiabá
Carregando...

? ºC

/
Fora temer3
Fora temer4
Fora temer5
Fora temer
Fora temer2

Histórico

Nossa história


A história do Sindicato dos Trabalhadores Técnicos e Administrativos da Universidade Federal de Mato Grosso (SINTUF-MT) começou com a criação da Associação dos Servidores da Universidade Federal de Mato Grosso (ASSUMT). 

Fundada em 17 de junho de 1977 a associação surgiu para ser uma entidade apenas ligada ao esporte, festas e encontros sociais e, na época, sem nenhuma pretensão política. Em 1977 ainda vivíamos os anos de chumbo da ditadura militar e a UFMT então com apenas sete anos, criada pelos militares como um ponto estratégico do País na Região Centro-Oeste, em Cuiabá Mato Grosso, e embrenhada na selva amazônica. 

Na década 70 e início dos anos 80 a universidade vivia a política dos coronéis e do toma lá da cá. "Mandava quem podia e obedecia quem tinha juízo". Em meados da década de 1980 está máxima do manda quem pode e obedece quem tem juízo foi dilacerada na UFMT, em 14 de agosto de 1985, quando aconteceu no Ginásio de Esportes da instituição de ensino Assembleia Geral histórica com a participação de mais de dois mil Técnicos-Administrativos. Nessa Assembleia Geral foi que a categoria, ainda, nos resquícios da ditadura militar aprovou por unanimidade a primeira greve geral na Universidade. Foram dias e meses difíceis, ameaças de demissões em massa. Uma greve forte, participativa.

Os trabalhadores da educação da UFMT iniciaram o movimento sozinhos no Centro-Oeste orientados pela Fasubra, e em menos de duas semanas as 14 universidades fundacionais estavam todas em greve. Na época foi reivindicado o primeiro Plano de Carreira das Universidades Fundacionais, após dois meses de greve em 14 de outubro de 1985 o a categoria encerrou o movimento vitorioso. Enfrentamos poderes e não tínhamos direito a ter um sindicato, a ASSUMT comandou a primeira greve de 1985. Outras grandes greves aconteceram em 1986, 1987, 1988, 1989, 1990, 1992 e de lá para cá é preciso pesquisar qual foi o ano que não houve greve na universidade. Vale ressaltar que cada uma dessas greves tem sua própria história de como iniciou e terminou. Vitórias, conquistas, decepções, frustrações, derrotas aconteceram e acontece sempre quando estamos na luta diária e cotidiana. Assim construímos a nossa própria história e o reconhecimento da sociedade e dos movimentos sociais.

O I Congresso dos Técnicos Administrativos da UFMT, realizado em 22 e 23 de janeiro de 1993, Universidade Federal de Mato Grosso transformou a ASSUMT em SINTUF-MT com foro em Cuiabá-MT, com sede no Campus da UFMT e em Cuiabá-MT, e com foro civil também na capital de Mato Grosso. A entidade tornou-se referência no movimento sindical de Mato Grosso. Principalmente após as lutas que deram resultado. Vale ressaltar a luta que foi para que técnicos-administrativos ocupassem o cargo de pró-reitor Administrativo, sendo hoje uma das poucas instituições que valorizam os técnicos com este cargo. Outra vitória da categoria foi conseguir que o reitor fosse escolhido de forma democrática, através do voto secreto. E, por fim o voto paritário. Hoje os docentes e técnicos da UFMT tem o mesmo peso no voto para escolha do Reitor da instituição.

O sindicato está em defesa e representação legal e administrativa dos trabalhadores técnico-administrativos, ativos, aposentados e pensionistas da UFMT e das Instituições do Ensino Superior Publicas do estado de MT, das Fundações apensas à Universidade Federal de MT e as suas unidades acadêmicas ou órgãos que exerçam suas atividades na Instituição.


CHÁCARA DO SINTUF

Redes Sociais

Sintuf-MT

Av. Fernando Corrêa da Costa, s/nº. - Campus Universitário - Coxipó - MT - 78060-900

Tel: (65) 3028-2924 | Fax: (65) 3028-2925

E-MAIL:

sintuf@terra.com.br 

SEDE DO SINTUF-MT

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo